Foto Galeria

JA slide show

Autenticação



Noticias
Assembleia de Secção do PSD Cartaxo - 20-02-2015 PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

PARTIDO SOCIAL DEMOCRATA

SECÇÃO DO CARTAXO

 

Rua Serpa Pinto, Lt. 3 – 1º Dto.

2070- 116 Cartaxo

C O N V O C A T Ó R I A

 

 Nos termos da al. d) do n.º 2 do art.º 53º dos Estatutos Nacionais do PSD e do preceituado no art.º 20º do Regulamento Financeiro do PSD, convoca-se a Assembleia de Secção do Cartaxo, para reunir no próximo dia 20 de Fevereiro de 2015 (sexta), pelas 21H30, na sede concelhia do PSD do Cartaxo, situada na Rua Serpa Pinto, Lote 3 – 1º Dto, com a seguinte Ordem de Trabalhos:

 

Ponto UM:

Discussão e votação das Contas da Secção do ano de 2014.

Ponto DOIS:

Análise da situação política.

 

Cartaxo, 10 de fevereiro de 2015

O Presidente da Mesa,

(Pedro Reis)

 

 
Jornadas Autárquicas do PSD Cartaxo - Comunicado PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

2015 Jornadas Autarquicas PSD CTX005No passado sábado, dia 24 de Janeiro, realizaram-se as Jornadas Autárquicas do PSD Cartaxo, que decorreram no Salão Nobre do Edifício da União de Freguesias de Cartaxo e Vale da Pinta, no Cartaxo.
O encontro juntou os autarcas eleitos nas listas do PSD Cartaxo, na Câmara Municipal, na Assembleia Municipal e nas Assembleias de Freguesia, no presente mandato autárquico.
Os autarcas do PSD Cartaxo partilharam o balanço que cada um faz aos primeiros 15 meses de mandato e retiram algumas conclusões, sendo de destacar o seguinte:
2015 Jornadas Autarquicas PSD CTX004O município do Cartaxo, uma das câmaras mais endividadas do país, já bateu no fundo! Todavia, por força da mão que o Governo do país lhe estendeu, por via do PAEL e do FAM, existem agora condições para exigir de quem governa mais e melhor! A falência do município tem que ficar para trás e já não pode continuar a ser a desculpa para tudo!
Em relação às freguesias, é possível constatar neste mandato, que aquelas onde o poder que estava instalado foi deposto por força dos resultados eleitorais de 2013, se vieram a perceber graves problemas financeiros, fruto de más práticas de gestão autárquica. São os casos da antigas freguesias de Vale da Pinta e da Lapa, da freguesia de Vale da Pedra e da freguesia de Pontével. Os eleitos do PSD nas assembleias de freguesia assumem o seu papel fiscalizador e têm denunciado estas situações, exigindo o maior rigor na gestão dos respectivos executivos.
2015 Jornadas Autarquicas PSD CTX002Em Vila Chã de Ourique, os eleitos do PSD têm mostrado, com a sua ação, a defesa dos interesses dos fregueses desta autarquia. Não fosse a persistência destes eleitos, a presidente de junta do PS levaria este mandato até ao fim sem qualquer fiscalização, a seu belo prazer! Na União de Freguesias de Ereira e Lapa, a determinação dos eleitos do PSD em apontar a incompetência dos eleitos do PS, quer no executivo, quer na assembleia (onde a Mesa inicialmente eleita teve, inclusive, de ser substituída) tem sido acompanhada por propostas que são acolhidas por todos. Estes são dois exemplos daquilo que a população deste concelho pode esperar de todos os eleitos do PSD Cartaxo.
Como se disse acima, é tempo de exigir mais e melhor da parte de quem governa, quer na Câmara, quer nas freguesias! E esta exigência, significa também que os autarcas do PSD Cartaxo, continuarão a apresentar as suas melhores propostas, pretendendo cimentar a alternativa que o concelho do Cartaxo merece.

A Comissão Política do PSD Cartaxo

 
Jantar Convívio do PSD Cartaxo PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

10857373 1001662873195946 204599157523126869 oNo passado dia 24 de Janeiro, sábado, o PSD Cartaxo realizou um Jantar de Convívio onde juntou amigos, militantes e autarcas do concelho do Cartaxo e do distrito de Santarém, membros da JSD do concelho e do distrito, todos os deputados do PSD eleitos pelo círculo de Santarém, representantes da Comissão Política Distrital, liderados pelo presidente Nuno Serra, e o convidado de honra, Carlos Carreiras, presidente da Câmara de Cascais e vice-presidente do PSD - entre muitas outras individualidades.

A grande mobilização que o PSD Cartaxo pretendia com este jantar, que serviu também assinalar o início do mandato da Comissão Política eleita há pouco mais de mês, foi um sucesso.

10348863 1001663239862576 3138656021634799390 oDas intervenções que foram sendo feitas ao longo do jantar, a primeira pertenceu a João Oliveira, líder da JSD local que destacou no seu discurso necessidade de ser introduzida dinâmica no PSD Cartaxo que consolide o seu projeto como a alternativa agregadora das vontades e aspirações dos habitantes do Cartaxo, para isso disponibilizando a sua estrutura para a mobilização que deve ser feita junto dos jovens.

1940013 1001663313195902 1508453620546131692 oGonçalo Gaspar, presidente da JSD Distrital de Santarém, enalteceu a eleição do presidente da concelhia do PSD Cartaxo, ao invés do que acontece no PS Cartaxo, onde os líderes do PS local são indicados pelo presidente de câmara Pedro Ribeiro. Em relação ao país, disse que Portugal mudou e os jovens lideram esta mudança, têm iniciativa e usam um conjunto de mecanismos como o Garantia Jovem para adquirirem formação, competências profissionais e um primeiro contacto com o mercado de trabalho. Disse ainda que, há três anos atrás, os cofres da Ação Social do ensino superior estavam vazios enquanto havia cofres na Rua Braamcamp que estavam cheios. Hoje os jovens estudantes do ensino superior recebem a sua bolsa a tempo e horas.

10298585 1001663363195897 3850314977108364707 oO presidente da concelhia do PSD, José Augusto de Jesus, agradeceu a presença de todos nesta iniciativa, anunciando de seguida que o PSD Cartaxo vai sair à rua! Pretende construir as suas alternativas junto das pessoas - porque o PSD não pode ser somente notado durante as eleições autárquicas, como frequentemente é acusado. Continuou com críticas a gestão do PS na Câmara do Cartaxo: "não há qualquer sustentabilidade para a dívida". Num concelho onde ainda falta muito saneamento básico, como disse, onde não há perspectivas de investimento, a salvação veio pela mão do Governo, que não deixou que a autarquia fechasse as portas, pagando os salários dos funcionários, prestando os serviços básicos e cumprindo com o serviço da dívida.

885959 1001663506529216 6677182540667046497 oNuno Serra, presidente da Comissão Política Distrital do PSD, começou por saudar a eleição do presidente da concelhia do Cartaxo, disponibilizando toda a colaboração possível para trabalhar com o PSD Cartaxo assim como para mostrar que o Cartaxo tem sido gerido de uma forma lamentável pelo partido socialista, onde se gastou dinheiro sem que se vislumbre qualquer obra que o justifique, e que levou a autarquia a pedir um resgate financeiro através do PAEL e FAM. Relembrou que esse dinheiro sai do bolso de todos nós e que o Governo PSD é o grande responsável pelo Município do Cartaxo ainda ter dinheiro para pagar salários; o atual governo para além de estar a recuperar o País dos disparates socialistas do passado também teve a sensatez de ajudar autarquias como a do Cartaxo a não irem à falência e deixarem milhares de famílias sem sustento.

10947424 1001663813195852 2975466387919173987 oFinalmente, o discurso de encerramento pertenceu a Carlos Carreiras que se mostrou completamente estupefacto com a situação do município do Cartaxo, um dos mais endividados do país! Chegou a sugerir que esta autarquia poderia ganhar algum dinheiro se publicasse o "manual das más práticas nas autarquias". Carlos Carreiras, referiu-se depois ao país, onde destacou alguns dos sinais positivos que já se conhecem: queda do desemprego, queda dos juros, crescimento da economia. "A colocação de dívida a 30 anos, quando há 3 anos atrás, nem para 3 meses tínhamos dinheiro, reporta bem a credibilidade da governação". Carlos Carreiras aproveitou também para denunciar o PS, dizendo que os sinais positivos que agora começam a fazer sentir-se no país, na economia, por força da política do Governo, era o que preocupava os socialistas e por isso reclamavam a antecipação das eleições. Carreiras considera que esses sinais, a recuperação do país, serão muito importantes para que as pessoas tomem a sua decisão "lá para meados de Outubro"...

@ PSD Cartaxo - Comunicação

Mais fotos AQUI ou AQUI

 
Jornadas Autárquicas e Jantar Convívio do PSD Cartaxo PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

Cartaz 01-2015 psd

 
Comunicado da Comissão Política do PSD Cartaxo - apoio financeiro transitório de urgência -FAM PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Quarta, 07 Janeiro 2015 00:00

Logo PSD CartaxoFoi hoje publicada em Diário da República (link aqui) a aprovação do pedido de adesão do Município do Cartaxo ao apoio financeiro transitório de urgência, no âmbito do Fundo de Apoio Municipal (FAM). 

O Município do Cartaxo está falido, fruto das políticas destrutivas dos sucessivos executivos socialistas. Há já muitos anos que o PSD Cartaxo, nomeadamente na Câmara Municipal e na Assembleia Municipal, vinha alertando para este precipício. Caso tivéssemos sido ouvidos, este não seria certamente o desfecho a que a nossa autarquia teria sido votada. Caso o PSD Cartaxo tivesse sido ouvido, a população do Cartaxo não teria os seus impostos, caso do IMI, elevados para as taxas máximas, consequência da má gestão socialista e não de qualquer medida do Governo! Todavia, a confortável maioria socialista nunca nos quis ouvir, tão pouco teve em conta qualquer proposta nossa para inverter este descalabro. 

Recentemente, o nosso município viu efectivado o pedido de adesão ao PAEL (Programa de Apoio à Economia Local), após o visto final do Tribunal de Contas. Esta linha de crédito traduziu-se em 17,6 milhões de euros, dos quais 10,6 milhões já foram recebidos no passado mês de Novembro. Estes montantes destinam-se obrigatoriamente ao pagamento da dívida há muito devida a fornecedores. Mas não basta!

Estando o Município do Cartaxo em clara situação de rutura financeira, impossibilitado de cumprir pontualmente as suas obrigações, no que toca ao pagamento de salários, à prestação de serviços públicos essenciais e ao cumprimento do serviço da dívida, viu hoje formalizado mais um empréstimo da Direção Geral do Tesouro e Finanças no montante de 4,8 milhões de euros.

PAEL e FAM, instrumentos criados pelo Governo para a recuperação financeira dos municípios, são, no caso particular do Cartaxo, a derradeira “tábua de salvação”! O “cheque” agora passado demonstra a preocupação social que o Governo assume, introduzindo liquidezpara que a Câmara do Cartaxo desenvolva a sua atividade, para que se mantenham postos de trabalhoo que foi posto em risco pelo desgoverno socialista.

O PSD Cartaxo espera que, doravante, em função deste verdadeiro resgate, a Câmara do Cartaxo consiga ver a sua gestão alterada em definitivo. O executivo socialista que continua a gerir o nosso município não pode desperdiçar esta ajuda. 

O PSD Cartaxo e os seus autarcas continuarão a assumir o mandato que a população do concelho do Cartaxo lhes atribuiu para fiscalizar a gestão do PS na Câmara Municipal. Lamentavelmente, uma gestão que muito pouco ou nada irá fazer pelo investimento na qualidade de vida dos munícipes, antes se quedará pelo pagamento das dívidas a fornecedores, pelo pagamento dos salários dos seus funcionários, pela prestação dos serviços públicos essenciais e pelo reembolso dos empréstimos que foram contraídos para sair da bancarrota!

 

Cartaxo, 6 de Janeiro de 2015

A Comissão Política do PSD Cartaxo 

 

 

 

 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Seguinte > Final >>

Pág. 7 de 24

ver cOMpOL

ver veread

ver AM

ver FREG

ver junte

 

Newsletter







April 2018
S M T W T F S
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 1 2 3 4 5